Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Histórico
Início do conteúdo da página

Histórico do câmpus

Publicado: Terça, 27 de Setembro de 2016, 08h42 | Última atualização em Quarta, 21 de Outubro de 2020, 11h17 | Acessos: 12705

O Câmpus Salto do IFSP teve seu funcionamento autorizado pela Portaria Interministerial no 1.713, de 20/10/2006, publicada no Diário Oficial da União (DOU) de 23/10/2006. Na época, como Unidade de Ensino Descentralizada (UNED), do então Centro Federal de Educação Tecnológica de São Paulo (CEFET-SP).
Em 2006, o prédio inacabado, onde funcionaria o Centro Regional de Educação Profissional (CEREP), ligado ao PROEP – Programa de Expansão da Educação Profissional, foi assumido pelo Governo Federal. O prédio foi transferido para o CEFET-SP para criação da UNED de Salto, como parte da expansão da Rede Federal de Ensino de São Paulo.
Com as obras do prédio inacabadas, em 7 de dezembro de 2006, o professor Giuseppe D’Agostino (Portaria 1.058/2006) foi nomeado Gerente Acadêmico de Salto, para acompanhar as obras de conclusão. O prédio, localizado à Rua Rio Branco, no 1780, Vila Teixeira, em Salto/SP, foi finalizado em agosto de 2007, quando tiveram início as atividades administrativas e de ensino.
O primeiro diretor da unidade descentralizada de Salto, o professor José Antônio Neves, foi nomeado em 14 de junho de 2007, pela Portaria 464/2007.
O primeiro edital para ingresso de alunos, lançado em junho de 2007, ofereceu vagas para o curso Técnico em Programação e Desenvolvimento de Sistemas (área de informática). A aula inaugural foi ministrada em 20 de agosto de 2007.
Em 19 de outubro de 2007, a Unidade de Ensino de Salto foi inaugurada oficialmente.
Em setembro de 2007 foram abertas vagas para o segundo curso, agora na área de indústria. A primeira turma do curso Técnico em Automação Industrial iniciou suas aulas no primeiro semestre de 2008.
Em 29 de dezembro de 2008, a Lei 11.892/2008 criou os Institutos Federais, substituindo os CEFETs. As UNEDs passaram a ter a denominação de câmpus.
Em 22 de dezembro de 2008 foi publicado edital para seleção de alunos para o primeiro semestre de 2009, para cursos técnicos e superiores. Os primeiros cursos superiores do câmpus foram: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (área de informática) e Tecnologia da Gestão da Produção Industrial (área de indústria).
A partir de 2016 foram criadas vagas para cursos Técnicos integrados ao Ensino Médio.
Em 31 de outubro de 2017, a Resolução CONSUP/132/2017 aprovou a implantação do curso de Especialização Lato Sensu Temas Transversais. E em fevereiro de 2018 tiveram início as aulas da primeira turma do curso.
Em 2019, quatro novos cursos superiores passaram a ser ofertados: bacharelados em Ciência da Computação e em Engenharia de Controle e Automação, Licenciaturas em Letras / Português e em Matemática.
Além dos cursos técnicos, superiores e pós-graduação, o câmpus oferece cursos de extensão de curta e média duração.
Nova sede
Em 22/06/2018, em tratativas que aconteceram entre o IFSP e a Prefeitura de Salto, foi doado um terreno de 30 mil m2, localizado à Avenida dos Três Poderes, no 375, Residencial Central Parque, em Salto/SP.
Em 17/12/2018, foram iniciadas as obras com a construção de 4 blocos térreos, sendo: 1 bloco administrativo, 1 bloco de laboratórios (com 11 salas de laboratório), 1 bloco denominado Biblioteca e um bloco Salas de Aulas (com 14 salas), totalizando cerca de 4.100 m2 de área construída. O câmpus foi projetado para ser sustentável: terá sistema de captação de água de chuva para reuso, Usina Fotovoltaica e toda iluminação em led.
A entrega da obra está prevista para o final de fevereiro de 2021.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) faz parte da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Rede Federal). Sua história remonta à criação da Escola de Aprendizes Artífices, instituída pelo Decreto 7.566, de 23 de setembro de 1909. Já teve outras denominações: Escola Técnica Federal (ETF), Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET) e atualmente Instituto Federal.
A missão do IFSP é Consolidar uma práxis educativa que contribua para a inserção social, à formação integradora e à produção do conhecimento. O IFSP - Câmpus Salto tem o compromisso de oferecer ensino gratuito e de qualidade, atuando junto à população e às empresas locais, no sentido de potencializar o que a região oferece de melhor em termos de trabalho e cultura.

Fim do conteúdo da página